segunda-feira, fevereiro 12, 2007

O sísmos no "País de Socrates"

Quando pelas 10h35 da manhã fui surpreendido pela informação de tinha acontecido um sismo de 5,8 graus na escala aberta de Richter.
Fiquei preocupado, algo começava a atacar o "País de Sócrates" seria a "Santa Inquisição" devido aos resultados da votação no referendo do aborto.
Também pensei que alguém lá em cima estivesse zangado com o "Engenheiro" por o Benfica se ter finado para a taça na Póvoa de Varzim, cá o meu Sporting ainda vai a caminho do Jamor, pois coisas do futebol.
Mas não, havia sido só mais uma manifestação da "Mãe Natureza", aquela sobre a qual os homens têm feito as maires atrocidades sem qualquer pinga de remorso.
Afinal foi só o maior sismo dos últimos 38 anos, voltou a ter origem na Falha da Ferradura, o seu epicentro foi localizado a 160 quilómetros a sudoeste do Cabo de São Vicente, a uma profundidade de 67 quilómetros.
No Jornal Público temos uma notícia mais pormenorizada deste fenómeno natural.
http://www.publico.clix.pt/shownews.asp?id=1285499&idCanal=90
É de realçar a observação feita á Visão por Bento Caldeira "Apesar de todas as declarações de intenções posteriores à tragédia no Pacífico, a Europa continua sem um sistema de alerta a tsunamis. «Faltará vontade política».".
Mais notícias, Correio da Manhã.
http://www.correiodamanha.pt/noticia.asp?id=230972&idselect=9&idCanal=9&p=200
Lembro-me perfeitamente desse último , em 1969, fez tal barulho que acordou os galináceos da vizinhança para sorte dos humanos, naquele tempo ainda não tinha surgido estas modernices da "gripe das aves", pelo que era comum ter galináceos.
Fiquem bem

1 Comments:

At 8:55 da manhã, Anonymous js said...

A força da natureza por um lado e as grndes e as grandes explosões em experiências atómicas ajudam a que a Terra mexa ... Senti bem este sismo porque trabalho num 6º andar e o prédio abanou ... mas não dizem que as ferraduras protegem? ... sendo assim não há motivo para preocupações ...
FORÇ'AÍ!
js de http://politicatsf.blogs.sapo.pt

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home