quarta-feira, outubro 19, 2011

O Orçamento de Estado 2012 (5)

A saga do OE2012 vai tendo todos os dias novos episódios onde agora o protagonista é o Presidente da Republica, Cavaco Silva, que hoje dá a entender que considera o corte, ou melhor a supressão, dos subsídios de Férias e Natal é inconstitucional tendo em conta que anula, embora temporariamente , até ver, apoios inscritos na constituição.

Corte salarial para grupos específicos é “um imposto”
Cavaco Silva: corte dos subsídios é a “violação de um princípio de equidade fiscal”
19.10.2011 - 10:52 Por Ana Rita Faria
“Mudou o Governo, mas eu não mudei de opinião”, afirmou hoje o Presidente da República, contestando a eliminação dos subsídios de férias e de Natal para funcionários públicos e pensionistas, que vê como a “violação de um princípio de equidade fiscal”.
Cavaco Silva avisou ainda que o Governo já está no limite dos sacrifícios que pode pedir aos portugueses e que pode mesmo já ter pisado o risco no caso dos pensionistas.

Mas ao vermos como os "pachequinhos" que rodeiam o primeiro-ministro Passos Coelho, o "nosso Pacheco", reagiram às declarações do Presidente, só nos falta vermos os "pachequinhos" a chamarem-lhe Sr. Silva, mas os mais agressivos e parecendo muito nervosos foram os "pachequinhos" do CDS, pois, parece-me que estão a ficar apreensivos por saberem que o que está a acontecer è extremamente grave e o futuro que lhes está reservado é voltarem a ser o partido do Taxi.

No entanto estou céltico com os pensamentos e os actos do Sr. Silva.
Fiquem bem

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home