terça-feira, janeiro 18, 2011

Carga policial contra sindicalistas em Lisboa

Bem podemos dizer que hoje foi o dia de realce da PSP e de outros elementos das forças de segurança nacional, primeiro a PSP carrega sobre sindicalistas que frente á residência do "nosso Primeiro", o sargentão José Sócrates, que haviam acabado de realizar um plenário.

Como podemos ler na versão online do Público, até parecia que estávamos no tempo do "encoberto" dignissimo Oliveira Salazar, foi um voltar ao tempo da outra senhora.

"Três dirigentes sindicais foram detidos em São Bento


18.01.2011 - 18:16 Por PÚBLICO


Três dirigentes sindicais foram detidos hoje ao final da tarde junto à residência oficial do primeiro-ministro, foram algemados e levados para a esquadra da PSP de Alcântara."


Por outro lado outra notícia policial foi a da fuga de dois presos ditos perigosos frente ao

DCIAP

"Dois presos fugiram de uma carrinha celular em Lisboa

18.01.2011 - 18:00 Por Lusa

Dois reclusos considerados perigosos fugiram hoje de uma carrinha celular que estava estacionada próximo do Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP), em Lisboa, tendo-se registado tiros, disse fonte policial."


O que me confunde é esta insegurança em procedimentos de segurança em determinados locais onde a policia deveria ter um efectivo musculado, e por outro lado avança com a máxima força contra elementos da população que unicamente questionam a barbárie dos nossos governantes, contra manifestantes quer sejam somente sindicalistas ou, mesmo manifestantes organizados e autorizados a manifestarem-se.
Somos realmente uma "populaça" rasca onde a s reivindicações contra as maiores arbitrariedades dos governos do "centrão" que em coligação quer isolados.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home