quarta-feira, novembro 11, 2015

A Direita está aziada!



Ainda perdura o anti-comunismo em Portugal passados 40 anos do 25 de Novembro.
Durante o PREC, mais nomeadamente no Verão Quente, sucederam-se os ataques ás sedes dos partidos de esquerda nomeadamente aos do PCP, da UDP e do MDP/CDE, e da FSP esperemos que o mesmo não volte a acontecer, já que presumivelmente não existe o ELP nem o MDLP de Spinola. E ai os politicos da área do PSD/PP e incluindo o Sr.Silva, Cavaco para os amigos, e por acaso, só por acaso, também Presidente da Republica portuguesa, não venham a ser os pirómanos deste Inverno Quente.
Na madrugada passada, fazendo lembrar os assaltos e incêndios ás sedes dos partidos de esquerda em 1975, foi incendiada a sede do PS no Porto, esperemos que isto seja um caso isolado, já que foram passados 40 anos após os tristes acontecimentos atrás referido.

Mas que azia!
Quem ouve o comentador Raul Vaz na Antena 1 fica espantado com o seu anti-comunismo primário, quando compara o PCP com o PC da Coreia do Norte.
Esta provocação só tem um sentido, que é o denegrir a imagem do PCP, o PCP já nem ao PC de Cuba é igualado, só a rir Raul Vaz “O Aziado”
Raul Vaz que durante os 4 anos que o governo de Passos/Portas foi um dos seus apaniguados no apoio, tem vindo ao longo destes anos a debitar o seu ódio ao PCP.
E é com azias destas que muitos comentadores e politicos podem vir a tornar-se os pirómanos da politica da actualidade neste pais.
E a azia continua!
Ouvimos ao longo destes 40 anos de politica neoliberal de Passos/Portas que o país se encontrava á beira da banca rota porque o Sr. Pinto de Sousa, vulgo Sócrates, tinha endividado Portugal.
Mas, e o que fez o Sr. Silva, Cavaco para os amigos, quando durante a sua governação deu a entende aos portugueses de que aquando da entrada para a comunidade europeia iriam ter os mesmos direitos que os restantes europeus, salários iguais, onde anda ele? Mas o que tivemos foram abates de barcos, menos cotas de leite, vinhas devastadas, agricultura reduzida ao mínimo, grandes empresas a abalarem fronteira fora para os países emergentes, sem que o Sr. Silva, Cavaco para os amigos, ter na sua figura institucional apresentado qualquer protesto.
O que diria nessa altura com a sua azia Raul Vaz?
Nada que fosse contra as ideias do seu ídolo, o Sr. Silva, Cavaco para os amigos.
Mas, a azia continua!
Quem ouvir, ler nos jornais, nas redes sociais, e em debates televisivos, fica a perceber que a direita está em pânico, chegando à infâmia de propalar aos quaqtro ventos o medo de que vê ai! os Comunistas, tal como no tempo do Estado Novo se fazia.
Os médias estão cheios de comentadores de direita neoliberais, onde andam os liberais e os de esquerda? A resposta é clara, estão impedidos de serem convidados para comentarem nos meios de comunicação social.
É verdade que os fantasmas do tempo da outra Senhora ainda não foram todos apanhados.
Bom!
Esperemos pelos próximos episódios sobre a azia dos políticos de direita e que o "Rennie" da esquerda lhes faça efeito e preserve a Democracia em Portugal.
Fiquem bem.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home