domingo, julho 07, 2013

A política no "bananal" de Passos Coelho, de Portas e do Sr. Silva ....

Boa tarde.

Depois de uma semana alucinante o "bananal" de Passos Coelho, de Portas e do Sr. Silva, voltou ao mesmo.
Afinal a única personagem coerente disto tudo foi Gaspar, que com a sua carta de despedida, não deu hipóteses de regresso. Na sua carta ficamos a saber que à muito que este governante, que segundo as suas palavras não havia sido eleito pelo Povo português, desejava sair, ora por reconhecer que as suas teotias neoliberais não resolviam nada a não ser afundar o país que lhe pagou os estudo.
Segundo o que ele escreve na carta já em Outubro de 2012 ele pediu a saída a Passos Coelho.

"Desde 22 de Outubro de 2012, há um pouco mais de oito meses, dirigi-lhe uma carta em que assinalava a urgência da minha substituição no cargo de Ministro de Estado e das Finanças. Agora, em meados do ano seguinte, essa urgência torna-se inadiável."
(.....)
Ver mais.....

E assim se foi Gaspar sem mais se ouvir falar dele, também não deixou grandes recordações.
Mas o "bananal" de Passos Coelho, de Portas e do Sr. Silva continuava em efervescência, agora era Portas agastado com Passos Coelho por este ter colocado a ministra "swaps"  Maria Luis Albuquerque, na pasta das Finanças, e a guerra mediática começava aqui, Portas tenta bater com a porta ...

"1. Apresentei hoje de manhã a minha demissão do Governo ao Primeiro-Ministro.
 2. Com a apresentação do pedido de demissão, que é irrevogável, obedeço à minha consciência e mais não posso fazer."
(.....)
Ver mais.....

Mas, o Sr. Silva ao que se sabe impõe-se e não deixa, pois como ia ser a vida dele sem um governo e uma presidência, podia ser mas não era a mesma coisa, e Portas volta de novo à governação, agora um pouco mais gordo de direitos, claro que este presidente do "bananal" de Passos Coelho e Portas, pouco ou nada está preocupado com as dificuldades dos portugueses.

Ficamos a saber hoje pelos jornais que a ministra "swaps" vai ter a sua prova de "fogo" na próxima r3união do Eurogrupo....

"Os ministros das Finanças da zona euro reúnem-se na segunda-feira, em Bruxelas, com as atenções voltadas para a situação grega, mas também para Portugal, que estará representado pela nova ministra, Maria Luís Albuquerque.
Portugal não é um dos temas na agenda da reunião - que será focada na Grécia, em Chipre e na avaliação do programa de recapitalização da banca espanhola -, mas a situação do país “será de grande interesse”, como afirmou, na semana passada, um alto responsável do Eurogrupo."
(.....)
Ver mais.....

Como podemos perceber o "bananal" está mesmo ao rubro, como o tempo, afinal o Verão veio mesmo quente, eu que o diga, enquanto escrevo estas linhas a temperatura aqui pelo sótão anda pelos 35ºC ....

Para adensar ainda mais as dúvidas sobre a politica do "bananal" temos a Directora-Geral do FMI, o tal organização que recruta economistas que nem na mercearia da esquina teriam emprego, Madame Lagarde a dizer aquilo que todos sabemos, que as opções feitas não foram, não são, nem nunca serão as m,ais corretas, desde que estes funcionários por lá trabalhem.

"O ajuste orçamental “brutal” não tem de ser levado até ao seu “máximo”, disse neste domingo a directora-geral do FMI, Christine Lagarde, admitindo erros cometidos pelo organismo na sua avaliação sobre a situação de alguns países.
“Não pensamos que seja preciso um ajuste orçamental brutal até ao máximo”, declarou a responsável do Fundo Monetário Internacional num encontro de economistas em Aix-en-Provence, no Sudeste da França.
“Temos de ter uma perspectiva a longo prazo”, acrescentou, referindo que os “erros”cometidos pelo FMI na sua avaliação de algumas políticas aplicadas em certos países foram uma consequência de parâmetros que mostraram não ser fiáveis."
(.....)
Ver mais.....


É com sentimento de revolta que vejo o meu país ser governado por Pachecos que nunca fizeram nada na vida a não ser viverem á sombra das "jotas" e agora estarem a enterrar o país da forma como o estão a fazer , e neste rol incluo Cavaco Silva, o primeiro-ministro que negociou a entrada na UE e que destruiu o tecido empresarial, a agricultura e as pescas, e que agora vem falar de assuntos para os quais colaborou na destruição

Los expertos del FMI creen ser más brillantes, más educados y estar menos motivados políticamente que los economistas de los países que ellos visitan. De hecho, los líderes económicos de esos países son bastante buenos, en muchos casos más brillantes o mejor educados que el personal del FMI, el cual frecuentemente lo integran estudiantes de tercer nivel de las universidades mejor calificadas. (Créanme: he enseñado en la Universidad de Oxford, en el MIT, en la Universidad de Stanford, en la Universidad de Yale y en la Universidad de Princeton, y casi nunca el FMI tuvo éxito en reclutar a los mejores estudiantes.) En el último verano, dicté un seminario en China sobre la política de competencia en telecomunicaciones. Por lo menos tres de los economistas chinos presentes en el auditorio hicieron preguntas tan complejas como las que hubieran podido hacer las mejores mentes en Occidente.
(....)
Ver mais.....

Como podem ver estamos em boas mãos ....

Fiquem bem.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home